sexta-feira, 7 de setembro de 2012

Óleo essencial de Melissa oficinalis.



O Bálsamo do Coração.

Conhecida popularmente como melissa, erva-cidreira verdadeira, melissa romana ou chá da França, a Melissa officinalis é comumente confundida com outra erva, também medicinal. Diz à lenda que a melissa recebeu este nome em homenagem à ninfa grega Melona, em grego "Mellona", protetora das abelhas. 

E a relação da planta com as abelhas é realmente muito interessante: na primavera, quando nascem várias rainhas numa mesma colméia, o enxame se divide em vários menores e cada um sai em busca de uma nova colméia. Como a melissa tem o poder de atrair as abelhas, povos antigos colocavam suas folhas frescas trituradas em colméias vazias para atrair os enxames que estavam migrando.

Erva de aroma doce, e fresco Óleo essencial de Melissa oficinalis o lembrando ao limão, tem um fundo terreno sinalizando ser um óleo de efeito ancorador. Não somente os seres humanos amam esta delicada e poderosa erva conhecida por seu poder de ressuscitar o homem, como também as abelhas.
Paracesus (médico, alquimista, físico e astrólogo suíço) estimava profundamente e a Melissa, ele acreditava que ela poderia revivificar (avivar, revigorar, acordar, despertar, desentorpecer, renovar e ou ressuscitar) o homem.

Propriedades: Analgésico, anafrodisíaco, anti-séptico, antidepressivo, carminativo, cefálico, revigorante, digestivo, expectorante, hipotensor, laxativo, nervino, fortificante, sedativo, tônico geral.

Na aromaterapia, ela alivia as tensões e, juntamente com rosa e o neróli, é um dos óleos atuantes nas vibrações ligadas ao coração. Acredita-se que a melissa apresenta inúmeras propriedades medicinais: é usada para diminuir gases e cólicas, estimula a transpiração, é calmante, sedativa, digestiva, age contra a insônia, enxaqueca, tensão nervosa, ansiedade e ajuda nos casos de traumatismo emocional.

Séculos atrás foi elaborado pelas freiras Carmelitas uma bebida utilizando a erva Melissa Oficinalis e outras ervas ( um elixir da vida) chamado " Água das Carmelitas" ou " Eau de Melisse de Carmes" este elixir foi usado para resgatar a saúde do homem e utilizado internamente como tratamento para quase tudo desde dor de cabeça nervosa, artrites, gota, problemas digestivo e neuralgias bem como também na forma externa para problemas de pele, rugas, e especialmente para oferecer um carinho aromatizado para o corpo sofrido doente.

Esta água foi também muito usada nas cidades populosas com o propósito de desodorizar o mau cheiro resultante de doenças como a praga e também pela falta de saneamento adequado da época, e, de certa forma como proteção contra doenças.

Principal Utilização:

Sistema Circulatório: Vasodilatador, tônico cardíaco e hipotensor (baixa a pressão arterial).

Sistema Digestivo: Calmante, trata espasmos estomacais, indigestão, prisão de ventre, flatulência, enjôos, vômitos, diarréia, vermes,  além de ajudar o organismo a eliminar toxinas.

Vias Respiratórias: Trata casos de infecção no peito e de resfriados, a sinusite, a bronquite e a asma.

Outras Utilizações: Sistema Reprodutor Feminino:
Pode regular o ciclo menstrual e a aliviar as cólicas e distúrbios menstruais e uterinos.

Alivia Dores de cabeça e Enxaquecas e baixa a febre.

Psicologicamente: Calmante e Relaxante emocional.
Bom contra depressão, fobias, crises de nervosismo, pânico e tristeza. Eficaz contra insônia, stress e ansiedade.

Este humilde erva chamada Melissa Oficinalis é poderosa em suas propriedades terapêuticas ela tem ressonância de cura com vários sistemas do corpo tais como o cardiovascular, digestivo, imunológico, nervoso, reprodutivo e com a pele.

Energeticamente falando a Melissa atua no chacra cardíaco fortalecendo coração enfraquecido pelas perdas trazendo aceitação para as fases de transição. Ela atua no campo de consciência espiritual e emocional trazendo ensinamentos preciosos sobre perdas, ela ensina que não há perdas, mas que a vida está em constante modificação, com a Melissa aprende-se lidar com as Modificações da vida e não mais com perdas da vida.

No universo tudo se modifica, pois a roda da vida é Dinâmica, quem entende o verdadeiro significado da dinâmica da Vida, entende que as modificações são inevitáveis, este entendimento confere saúde física e energética para o coração e glândula do Timo.

A Melissa promove a expansão dos sentimentos amorosos do chacra cardíaco que parte do indivíduo para o universo, promove a reconexão do individuo com o universo humano e divino.

Cuidados: Usar diluído.
Evitar na Gravidez e por quem tem pressão arterial baixa.

*A Melissa officinalis que é considerada a Melissa verdadeira e originária da Europa, é um óleo extremamente caro e raro. Geralmente é adulterado com outras plantas de efeitos e aroma semelhantes, como o Capim-cidreira, ou até mesmo a Melissa Brasileira Lippia alba, também conhecida como Verbena Branca, muito comum na América do Sul. A Melissa é cultivada na região do Mediterrâneo há mais de 2.000 anos. Romanos, gregos e os árabes sempre a usaram para tratar a depressão. O chá da erva já era considerado desde o século XVII como um elixir da juventude, evitando vários problemas de saúde. JL

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário